sexta-feira, 21 de março de 2008

Carta aberta ao Avelino.

O Comentários encerra sua contribuição para a REDE BLOG - que hoje aborda a Cultura - com esta Carta aberta ao Presidente da FCJOL, Avelino Ferreira:

Campos, 21 de março de 2008.

Caro Avelino,

Dia 08 do corrente encontrei casualmente você no Show do bamba campista Délcio Carvalho. Ficamos de marcar um café para articular alguma iniciativa no sentido da efetiva instalação do Conselho Municipal de Cultura, criado a partir de um processo do qual participamos juntos, e para o qual fomos eleitos no Fórum da Sociedade Civil.
Três dias depois, você foi subitamente conduzido à presidência da FCJOL pelo Prefeito em exercício, Roberto Henriques, no curso dos acontecimentos que se sucederam à operação Telhado de Vidro. Ainda não pude lhe fazer uma visita de cortesia. Sei também que você deve estar assoberbado de tarefas para tomar pé da situação administrativa da balzaquiana Fundação, que esteve no olho do furacão da referida operação policial. Assim, me valho da oportunidade colocada pela iniciativa da nossa REDE BLOG, para me dirigir a você por meio dessa carta aberta - que também lhe será enviada por e-mail.
Estou tranquilo quanto a instalação do Conselho. Você sempre demonstrou compromisso com este importante Fórum, que democratiza a discussão e a implementação de políticas culturais. Adianto aqui pontos de vista que levarei para o debate.
É preciso um mutirão para articular a gestão do Patrimônio Histórico local. Nesse sentido, é necessário pressionar as Secretarias de Obras e Planejamento para agilizar obras de restauração de prédios como o Solar do Visconde de Araruama, que estão sobre a responsabilidade da Prefeitura. O COPAM pode se bom parceiro neste processo. Temos que discutir com o Prefeito, com a Secretaria de Fazenda e com entidades da sociedade civil, formas de incentivo para viabilizar as intervenções em prédios particulares, onde o Poder público não pode investir diretamente. É útil ainda a articulação com órgãos públicos da administração estadual e federal para o encaminhamento das demandas nesta seara.
Acho oportuno tirar o foco da gestão da FCJOL dos Shows. Projetos bons e de custo baixo como a Cesta Cultural podem - e devem - ser mantidos. Mas o Circuito Cênico tem um perfil que deve ser explorado pela iniciativa privada. Os Shows de Verão no Farol também precisam ser reavaliados. Quantidade, critérios e custos precisam ser reconsiderados com racionalidade. Os artistas da Terra e as manifestações da Cultura Popular precisam ser promovidas à prioridade por essa Fundação.
O bom trabalho do Arquivo Público municipal também precisa ser mais valorizado e dotado de mais estrutura.
Mas essas opiniões pessoais não podem ser simples sugestões do Conselheiro Fábio, ou decisões pessoais do Presidente Avelino. É fundamental a imediata convocação de uma nova Conferência Municipal de Cultura que avalize - ou não - estas e outras propostas a serem adotadas como diretrizes para a política cultural de Campos.
Defendo ainda, a partir da Conferência, mudanças no organograma da Prefeitura, com a criação de uma SECRETARIA DE CULTURA, que articule a política de cultura local. A estrutura mais flexível das Fundações tem suas vantagens, mas essas podem virar "desvantagens" aos interesses públicos, como revela o triste papel desempenhado pela FCJOL na recente crise do município, visto que com ela operava a empresa que deu nome à operação da PF. Não é de hoje que a administração dos Shows a partir das Fundações dá margem a negócios suspeitos, até mesmo pela dificuldade de se licitar e estabelecer custos referenciais quando se trata de "mercadoria" com margem tão variável de valores. As Fundações devem ter sua estrutura reduzida e serem coordenadas pela Secretaria a ser criada.
Muito além do que foi aqui apontado deve frutificar a partir da democratização que vai significar a instalação do Conselho e a convocação da Conferência! Espero ansioso por estas iniciativas!
Ah, já que essa é uma carta aberta, para que não seja mal interpretado - não por você - afirmo que não me movem aqui nenhuma intenção ou interesse que não seja o de dar conseqüencia ao diálogo que estabelecemos ao longo da 1ª Conferência de Cultura de Campos e do Fórum que elegeu os representantes da Sociedade Civil no Conselho Municipal de Cultura. Continuarei a participar deste debate exclusivamente na condição de representante da Sociedade Civil!
Um abraço,
Fábio Siqueira.

Juventude e Movimento estudantil na Rede!

E por falar em Cultura e bolsas para universitários, a REDE BLOG deve ganhar em breve adesão de um dos mais novos blogueiros de Campos. O nosso Marcel Cardoso & Cardoso, Secretário-Geral do DCE do CEFET Campos e Diretor da UEE está com um interessante espaço na rede onde traz comentários inteligentes e oportunos sobre política, juventude e Movimento Estudantil. Apesar do perfil militante do jovem companheiro a linguagem é ágil e os temas são abordados numa perspectiva ampla e plural. Parabéns Marcel! Confira aqui.

Ladrões na SMEC?!

Quis o destino - ou algum interesse escuso - que na véspera da data em que a REDE BLOG aborda a Cultura, o Palácio da Cultura fosse invadido por ladrões(?) - ou por seus representantes - que estranhamente não levaram nenhum equipamento de aparente valor.
A ação, na área que abriga a Secretaria de Educação, foi estranha. Parece muito grave que, com aparente colaboração de agentes que deveriam proteger a repartição pública, alguém tenha invadido a SMEC em busca de documentos ou arquivos.
Este blogueiro, requereu no ano passado certidão de inteiro teor sobre o processo de aquisição de um software para aquela Secretaria, que teria custado aos cofres públicos, segundo publicação em D.O., mais de R$ 5 milhões. Direito de cidadão, negado até a presente data. Também são controversas e pouco transparentes as relações até aqui mantidas entre a Prefeitura e uma tradicional Instituição de Ensino privada de Campos, inclusive questionadas por outras instituições que não possuem o mesmo tratamento no que se refere à política de bolsas de estudos de nível superior, até recentemente administrada por Francisco de Assis Rodrigues, atualmente sob custódia da Polícia Federal. Ainda que o período não seja propício a maiores constrangimentos para almas caridosas e dedicadas a Deus, a opinião pública clama para que seja esclarecido o episódio do assalto à SMEC, bem como o que mais ele possa suscitar com relação à ação de ladrões na SMEC!

REDE BLOG!

O Comentários mais uma vez tem sua participação na rede de blogs campistas - que se unem nesta oportunidade para destacar as graves demandas da Cultura em Campos - prejudicada por limitações técnicas. Isso, contudo, não diminui nosso entusiasmo com a iniciativa que traz nesta edição belas participações.
O tema já havia sido destaque nas duas edições do Dia do Abandono, e seu apelo foi confirmado pela enquete que o elegeu para a mobilização de hoje.
Novamente Roberto Moraes e Wellington Cordeiro registram imagens de Solares e Casarios que merecem ações diretas e incentivos do Poder público no sentido de sua preservação ou restauração. Iniciativas como as desenvolvidas pelo Prefeito de Quissamã, Armando Carneiro, deveriam servir de modelo para Campos.
Roberto traz ainda uma oportuna entrevista com o Professor Leonardo Vasconcelos, especialista e militante no que se refere ao Patrimônio Arquitetônico da Cidade - veja aqui.
O Aspectos, do Wesley Machado, registra o triste estado de outro prédio importante que se degrada a cada dia: o Cine São José.
O Vitor Menezes, coordenador da REDE BLOG, que mês passado destacou a degradação da Estação de Trem de Santo Amaro, volta ao tema apontado pela enquete no Urgente iniciando um projeto (que ficará abrigado em blog específico) que identifica obras de escritores campistas, com capas e sinopses das obras, com vistas a um "catálogo virtual" da vasta produção literária de escritores de Campos.
O Solar do Visconde de Araruama (Museu de Campos)- que há dois mese já dispõe de recursos do Ministério do Turismo disponibilizados para sua restauração - não poderia deixar de ser lembrado e aparece nas memórias da Aucilene no Resta acima de tudo. Lá ela relembra os tempos em que o Solar, apesar de mal cuidado, ainda abrigava a Cultura e ela ensaiava com sua Companhia a peça Senhora dos Afogados, há catorze anos! O Roberto Moraes registra entre as fotos postadas uma do Museu, à época de uma das várias licitações feitas para sua restauração, ainda porvir...

quinta-feira, 20 de março de 2008

Fala PH!

Esclarecimentos de Paulo Henrique Amorim sobre sua saída do Portal IG:

ESCLARECIMENTO I
O iG rescindiu meu contrato que ia até 31 de dezembro de 2008. O Conversa Afiada continua o mesmo – e mais livre, aqui, neste novo espaço.

Seja bem-vindo!

Paulo Henrique Amorim


ESCLARECIMENTO II

O Conversa Afiada ficou fora do ar por 08 horas e 58 minutos.
Breve, escreverei um Máximas e Mínimas para tentar explicar o que aconteceu.
O iG se limitou a enviar uma notificação assinada por Caio Túlio Costa, para avisar que o contrato se rescindia de acordo com clausula que previa um aviso prévio.
Não é a primeira vez que me mandam embora de uma empresa jornalística.
Só o Daniel Dantas me “tirou do ar” duas vezes: na TV Cultura e no Uol.
E ele sabe que não vai me tirar, nunca ...
Com isso, se encerrou a vida deste blog num portal da internet.
Nenhum blog de relevância política nos Estados Unidos, por exemplo, está pendurado num portal.(...)
Essa é a virtude da internet: último reduto do jornalismo independente.
Assim, se você acha que o Farol de Alexandria e o presidente eleito são dois impostores; se você gosta do Festival do Tartufo Nativo; se acha que o PIG, além de ilegível, não tem salvação; que os portais da internet brasileira são uma versão – para pior – do PIG; que a Veja é a última flor do Fascio; que o Ministro (?) Marco Aurélio de Mello deveria ser impeached; que Daniel Dantas deveria estar na cadeia;que Carlos Jereissati e Sergio Andrade vão ficar com a “BrOi” sem botar um tusta; que a “BrOi” significa que o Governo Lula vai tirar Dantas da cadeia; que chega de São Paulo, porque está na hora de um presidente não-paulista etc etc etc ... se você acha tudo isso, continue a visitar o Conversa Afiada neste novo e renovado espaço.
Em tempo: o Conversa Afiada anuncia publicamente que não é candidato a nada no iBest. Nunca levou isso a sério. Não vai ser agora que vai levar.
Muitas novas atrações virão.

Até já !

Paulo Henrique Amorim


Clique aqui para acessar o novo endereço do blog!

Atualização (21:15)
Lá você poderá ficar sabendo como interesses comerciais do pulsilânime orelhudo Daniel Dantas (Brasil Telecom), do Citibank e do IG, tentaram calar o bom Paulo Henrique.

Blog do Noblat faz 4 anos.

Apesar de concordar muito pouco com este veterano blogueiro, que hoje completa quatro anos de atividade (veja aqui) - na verdade temos visões opostas sobre o contexto político brasileiro atual - acesso regularmente seu blog, que forma opinião e é um dos mais acessados da rede.
Não podemos deixar de mão o diálogo com o contraditório. Por isso, não me furto também a constantemente criticar em comentários o reacionarismo que emana deste importante membro do PIG e da maioria de seus leitores/comentaristas.
O espírito democrático faz com que, ao mesmo tempo em que lamento a ausência momentânea de Paulo Henrique Amorim e Mino Carta na blogosfera, faça o registro do aniversário do blog do Noblat - que um dia também já se abrigou no IG. Lembrando Voltaire, posso discordar da sua, digamos, linha editorial, mas reconheço sua influência e seu papel na arena que também abriga este modesto bloguinho regional.

Atualização (21:00)
O Bruno Lindolfo acaba de informar em comentário neste post que o Paulo Henrique Amorim voltou à rede no seguinte endereço: http://www.paulohenriqueamorim.com.br/
Agradeço os acessos e a dica, vou correndo conferir.

NADA DE NOVO.

Já que o sítio do SEPE-RJ já está em clima de Feriadão, e nada divulgou sobre a Audiência pública realizada ontem na ALERJ com a participação dos Deputados da Comissão de Educação, da Secretária de Estado de Educação Tereza Porto e de sindicalistas do SEPE e da UPPE, o Comentários antecipa os informes sobre a reunião - relatados pela professora Graciete Santana do SEPE Campos - que, infelizmente, não trazem nenhuma novidade.
A única boa notícia foi o anúncio da convocação de 2 mil concursados do último concurso, realizado em janeiro. A carência foi subestimada grosseiramente.
Sobre salários - em contraposição ao anúncio de proposta apresentada pelo Governo Federal aos Professores daquela rede (ver post de ontem abaixo) - a mesma cantilena de que haverá reajuste mas indefinição com relação a índice e data.
Sobre gestão democrática nas escolas, nenhuma sinalização efetiva no sentido das eleições. Apenas anunciou que todos(as) interessados(as) poderão fazer um curso para gestores que será oferecido pela FESP.
O SEPE contestou dados subestimados sobre a carência, reafirmando a verdadeira dimensão do problema, e reapresentou a pauta de reivindicações da categoria, tão bem conhecida do governo, já que estampou carta-compromisso enviada pelo candidato Sérgio Cabral às Professoras na campanha eleitoral de 2006.
Nova Audiência Pública com a Secretária e a Comissão de Educação da ALERJ ficou indicada para o final de abril, em data a ser confirmada.

Chama a PF!

O Governo do Estado fez muito alarde sobre a distribuição de laptops aos Professores da rede estadual. Contudo, a distribuição dos computadores segue um ritmo muito lento, e na grande maioria das Escolas de Campos ainda não se deu. Além disso, dados relativos à compra destes equipamentos divulgados ontem na Audiência Pública realizada na ALERJ deveriam despertar a curiosidade do MP e da Justiça. Esse blogueiro é tão idiota quanto o Eremildo, personagem do Elio Gaspari, mas me parece que os números não batem. Salvo erro nas informações, a contabilidade lembra os casos de superfaturamento denunciados pela operação Telhado de Vidro. A imprensa divulgou que o Governador, ao exonerar o ex-Secretário Nelson Maculan, anunciou a compra de 32 mil laptops. No sítio da Secretaria de Estado de Educação, o custo atribuído a cada equipamento é de R$ 1900,00. Não disponho da especificação do equipamento licitado, mas, no varejo, compra-se um excelente laptop por um valor até 30% inferior, e parcelado. O preço unitário parece muito elevado para uma compra de 32 mil unidades, que deveria ser licitada, e certamente envolve desoneração de impostos estaduais! Por esses números, que apontam para indícios de superfaturamento, a aquisição teria custado cerca de R$ 60.800.000,00 aos cofres públicos. Contudo, a Secretária de Estado de Educação afirmou ontem na ALERJ que os laptops - que ainda não chegaram aos Professores - custaram R$ 77.000.000,00 ao Estado! Com a palavra, o Sr. Levi Tranca-cofre(?)...

Noite de Marcinho e Luizinho!

Arerê! O blogueiro sofreu mas lavou a alma com o resultado de ontem do Mengão pela Libertadores da América (2X0 no Nacional - URU).
Até o chato do Galvão Bueno observou - e repetiu três vezes, bem ao seu estilo - que não foi a melhor das exibições do Flamengo. Mas o time jogou com raça e arrancou a necessária vitória sobre o tradicional adversário - que impõe mais respeito pela camisa e pela costumeira garra celeste do que pelo atual plantel, limitado. A noite foi do artilheiro Marcinho, ligado e oportunista nos dois gols e de Luizinho, que se saiu muito bem na dificílima tarefa de substituir Léo Moura. Jogou com disposição, mostrou personalidade, apoiou com a mesma presença do titular e cruzou a bola que resultou no gol decisivo! Também merecem destaque Renato Augusto, que errou apenas um passe em toda partida, Juan e o trio de ferro formado por Cristian, Fabio Luciano e Ronaldo Angelim, que segurou firme as investidas dos uruguaios. O destaque negativo foi o Ibson que, jogando bem abaixo de seu potencial, repetiu a má atuação de Montevidéu. Parece que a Libertadores não está lhe trazendo inspiração.

Marrons!
Essa imprensa marron é mesmo de amargar! Desde domingo virou lugar comum atribuir ao Flamengo o título de campeão no quesito falta de esportividade. Como se, de repente, todo descontrole que até sábado afligia os nervos dos atletas de General Severiano tivesse se mudado para a Gávea. Na edição de ontem d'O GLOBO, Fernado Calazans seguiu a "pauta" e cobrou dos atletas rubro-negros indiferença frente a suposta milonga uruguaia - questionada por ele no mesmo artigo.
Vamos lá. Os problemas disciplinares apresentados pelo Flamengo no clássico de domingo - quando jogaram apenas três titulares - não fazem do Flamengo o time mais indisciplinado do mundo. E os uruguaios continuam catimbeiros sim. Nada justifica a estupidez de Toró, mas não é razoável manter um garoto irresponsável como gandula, fazendo embaixadinhas numa partida válida por uma competição internacional. Ontem, os gandulas que atuaram no Maracanã foram sérios e profissionais, repondo as bolas com presteza mesmo quando o Mengão já vencia por 2X0!
Já mencionei aqui na segunda três lances do jogo contra o Botafogo em que três atletas alvi-negros também abusaram da falta de fair play. Problemas de disciplina também marcaram o clássico paulista entre São Paulo e Palmeiras. Ou seja, o fato do Flamengo estar sempre na berlinda, para o bem ou para o mal, não tem a ver com o nivel de indisciplina de seus atletas, mas sim com o fato de que ele vende mais jornais!

Lacuna na Rede!

Lamentamos a ausência na rede - identificada desde ontem por esse blogueiro - do ótimo sítio Conversa Afiada de Paulo Henrique Amorim. Comentários em outros sítios e blogs noticiosos dão conta que a decisão partiu do IG, que abrigava o espaço virtual do jornalista.
Bola fora do provedor, que vinha se afirmando por abrigar blogs e sítios de qualidade, configurando-se como referência de credibilidade e independência na rede. O portal perde um dos melhores ícones desta imagem, e o debate inteligente, democrático e qualificado perde um de seus espaços privilegiados.

Atualização (21:30)
Comentário neste post informa da decisão de Mino Carta de, em solidariedade a PH, se desligar do IG.
Leia texto postado no Blog do Mino, ontem:

19/03/2008 12:54

O último post

Meu blog no iG acaba com este post. Solidarizo-me com Paulo Henrique Amorim por razões que transcendem a nossa amizade de 41 anos. O abrupto rompimento do contrato que ligava o jornalista ao portal ecoa situações inaceitáveis que tanto Paulo Henrique quanto eu conhecemos de sobejo, de sorte a lhes entender os motivos em um piscar de olhos. Não me permitirei conjecturas em relação ao poder mais alto que se alevanta e exige o afastamento. O leque das possibilidades não é, porém, muito amplo. Basta averiguar quais foram os alvos das críticas negativas de Paulo Henrique neste tempo de Conversa Afiada.
enviada por mino

quarta-feira, 19 de março de 2008

Mais aperitivo!

Mais um aperitivo da Andressa Soares, capa da Playboy de abril. O belo registro acima foi produzido durante o período em que a moça se dedicava ao ensaio mais aguardado do ano, na última semana. Clique aqui para ver flagra do ensaio em favela carioca!

Bom exemplo!

Manchete principal do jornal O Dia de hoje traz a notícia da proposta de reajuste do Governo Federal para os professores desta rede - veja aqui. A proposta prevê um novo Plano de Cargos e Salários e reajustes previstos a partir deste ano, sempre nos meses de julho, que resultariam em aumento de até 104% até 2010. Proposta séria, consequente e responsável. O Governador Sérgio Cabral, que gosta de posar de aliado de LULA, deveria seguir o exemplo.

segunda-feira, 17 de março de 2008

Com a palavra o PSB!

Ainda não ouvi manifestação da Direção Nacional do PSB sobre os acontecimentos políticos em Campos na última semana!

Deixaram Garotinho falar...

Fui acusado na semana passada de ter me bandeado para as "hordas da Lapa". Apesar de minha simpatia pelos bairros que recebem o nome em Campos e no Rio, a conotação da acusação no contexto política local é injusta.
Dia 10 de dezembro postei aqui comentário acerca do Programa do comunicador Garotinho, ex-Governador do Estado, na rádio Diário FM em 08/12. Podem conferir. Lá está com todas as letras que ele aproveitava bem os descaminhos da gestão do Prefeito Mocaiber, eleito a partir da compreensível rejeição dos cidadãos campistas ao presidente estadual do PMDB. E isto não pode ser imputado a Roberto Henriques, muito menos a este inexpressivo blogueiro, tampouco à opinião pública de Campos, nem a Polícia e o MP Federal, que cumpriram seu papel. Ver o dedo de Garotinho em tudo, sobretudo nos recentes episódios que marcaram a política campísta é sandice. Mas o senso de oportunidade deste hábil político é inegável. Assim como a incompetência e o despreparo do grupo a quem foi entregue a hegemonia na frente que se construiu contra o PMDB local e o que ele representa, inclusive na gênese da forma como a política se caracteriza hoje em Campos.
Sábado voltei a ouvir o Programa de Garotinho na Diário FM. O Programa já foi bem comentado - em tempo real - no indispensável blog do Roberto Moraes. Aqui vai uma pequena reflexão do blogueiro sobre o que a memória registrou.
O casal Garotinho manteve o estilo habitual, superlativo e exagerado na observação de fatos contra eles próprios. Associar a atuação do então oficial de Justiça Francisco de Assis Rodrigues - preso na Telhado de Vidro por acusações relacionadas à contratação de shows superfaturados - como portador das decisões da Juíza Denise Apolinário que afastaram Campista e deram posse ao então Presidente da Câmara Alexandre Mocaiber, às consequências e interesses relacionados à sentença em si, é um delírio paranóico semelhante ao que acomete um bom e velho blogueiro neste momento! Ao reivindicar a posse de Pudim na oportunidade, a Sra. Rosinha se esquece das denúncias de utilização da máquina estadual, por ela então administrada, na captação de sufrágio que constam nos autos. Foram públicas na época as denúncias de que candidatos à vereador pelo PMDB e partidos aliados orientavam os cadastros do Cheque-cidadão.
Não dá para deixar de reconhecer que a enquete "quem ainda falta ser preso?" foi muito divertida. Pôs "no poste" os principais adversários políticos locais do dono do Programa e ainda salpicou citações de outros "quadros" do governo Mocaiber. Sobrou até para o ex-presidente da EMHAB, Afrânio... Não sei se foi leviandade, mas convém o companheiro Hélio Anomal verificar se a casa está em ordem e se não sobraria alguma rebarba para ele.
O Programa foi um Show de denúncias: mil cidadãos de São Francisco de Itabapoana estariam contratados nas empresas que terceirizam serviços para a Prefeitura, a fim de favorecer a pré-candidata do PSB à prefeitura daquele município; documentos confirmariam uma série de superfaturamentos em produtos comprados pela Prefeitura, inclusive envolvendo fornecedores já denunciados em O Diário; a prefeitura teria comprado ambulâncias à principal empresa envolvida no escândalo das Sanguessugas; mas o ponto alto foi o rosário de entidades "conveniadas" com a Prefeitura - com vistas ao recebimento de substanciais recursos públicos - supostamente ligadas a Vereadores.
Artilharia pesada contra seus ex-companheiros. Ainda haveria um duelo ao vivo com o Presidente da Câmara, que em atitudde corajosa mas imprudente, enfrenta o experiente comunicador na "casa do adversário". O parlamentar - que acompanhava o Prefeito em exercício, localizado para participar do Programa - "mordeu a isca" e foi sangrado por Garotinho, que o submeteu a forte constrangimento, com total domínio da arena onde se travou o combate.
Em nossa modesta opinião, foi um erro Roberto Henriques ter se disposto a participar do Programa de Garotinho. Apesar de ter pautado sua participação pela prudência e equidistância, adotando um discurso protocolar com relação ao casal de "entrevistadores" - frente a um Garotinho que insitia em demonstrar intimidade com o Prefeito - RH teve de reagir e ressaltar as prerrogativas e independência do Poder Legislativo, frente ao ataque desferido à Câmara a partir da presença de seu Presidente - incluído nas denúncias - na companhia do Prefeito em exercício.
Após a entrevista e a polêmica com Marcos Bacellar, o casal Garotinho não resistiu ao ímpeto de tentar manietar RH e o criticou. Sua fala foi foi classificada como excessivamente prudente por Rosinha, enquanto Garotinho insistia em tentar dar linha ao Prefeito, "aconselhando-o" a adotar conduta mais enérgica, sob pena de ser curta sua gestão, e instando-o a "tomar providências" com relação aos convênios denunciados.
Deixaram Garotinho falar... Agora, contra a sua competência no manejo da mídia, só a memória!

Nada como um "telhado" após o outro...

Do que compreendi na matéria citada no post abaixo, o ex-Secretário de Comunicação de Mocaiber refuta matérias destacadas em O Diário, acusando o Prefeito afastado de extrapolar nos primeiros meses do ano a previsão Orçamentária, bem como a declaração atribuída por este matutino a RH de que a Prefeitura estaria "falida".
É bom lembrar que em 2002 Benedita da Silva assumiu o Governo do Estado em abril, encontrando cerca de 70% do Orçamento previsto para todo aquele exercício já comprometido. Os Garotinho também tem seus "telhados de vidro"!

Perguntar não ofende...

O blogueiro jura que não é ironia! Realmente está além da minha capacidade cognitiva. O que diabos o ex-secretário municipal de comunicação, Roberto Barbosa, quis dizer em matéria da edição de sábado da Folha da Manhã, ao se referir a "baldeação ideológica inadvertida" (sic)?

Sorridente.

Há quem diga que o Deputado Arnaldo Vianna (PDT-RJ) está ameaçado pela sequência das ações judiciais iniciadas com a operação Telhado de Vidro. Setores da imprensa trombeteam "indícios" de sua ligação com os fatos. Outros destacam seu silêncio. De Brasília, o blog recebe o informe que o Deputado estava especialmente bem humorado na semana passada.

Concurso confirmado.

O blogueiro e o SEPE Campos têm recebido muitos questionamentos sobre a realização do concurso público da Prefeitura para a Educação, recém-convocado, e que prevê inscrições até amanhã.
A Professora Maria Auxiliadora Freitas, que assumiu a SMEC a partir da posse de Roberto Henriques, já confirmou que o concurso está mantido.
Na verdade, muitas das irregularidades apontadas pela operação Telhado de Vidro, tem a ver com a manutenção indeterminada da contratação de milhares de sevidores terceirizados pela Prefeitura. Há mesmo decisão da Juíza Aline Tinoco Boechat, da 2ª Vara do Trabalho determinando o corte de 40% dos contratados nos próximos 60 dias.
Assim, o concurso deve ser mantido, não só por ser necessário, mas por ser símbolo da forma correta de se equacionar a questão do quadro de servidores do município.

Penitência.

A despeito de nossas tarefas paternas e de nossas limitações tecnológicas, são justas as cobranças de amigos e colaboradores sobre os problemas de regularidade do blog. Há mais de quatro meses convivemos com o absurdo de manter o Comentários no ar, sem acesso doméstico à internet.
Em um momento como esse, não dá pra um blog que pretende atuar no debate político local permanecer tantas horas "fora do ar".
O blogueiro se penitencia com os responsáveis pelos quase quinhentos acessos recebidos desde o fim-de-semana e se compromete a em breve otimizar a dinâmica deste espaço. Já a partir da próxima semana, provavelmente este compromisso poderá se materializar a partir de um colaborador muito especial que, assim como milhares de trabalhadores brasileiros, a partir de políticas fiscais inclusivas do governo LULA teve a oportunidade de financiar a "inclusão digital" de sua família.

Falemos sério!

O divertido vídeo aí embaixo já dá conta do sentimento de tranquilidade com que nós, rubro-negros, encaramos o jogo de ontem e seu resultado, mas falemos sério:
Intervalo de jogo, o Sr. Túlio, bom e falante volante que exerce liderança no grupo do Botafogo cobra fairplay do time do Flamengo, criticando Toró - que realmente anda precisando de uns bons conselhos de Papai Joel - por jogada controversa em jogada de bola ao chão.
Pois bem, segundo tempo:
Por volta dos 20' - quando o Botafogo já vencia por 3X1 - o lateral campista Alessandro, desnecessariamente, tenta, por trás, tomar a bola em domínio do goleiro Bruno;
Aos 23', em jogada que deu origem ao segundo gol rubro-negro, o botafoguense Triguinho fez falta criminosa em Léo Moura (?);
Dez minutos depois, o "canastrão" Wellington Paulista simula ter sofrido falta de Bruno e não leva amarelo!
Os botafoguenses precisam apelar menos e ser mais criteriosos para falar de fairplay. Não dá pra ser só "venha a nós e vosso reino nada"!

LÁGRIMAS
Também merece atenção o Sr. Marcelo de Souza Pinto. Sua Senhoria inaugurou algo no futebol. Confesso que já vi juiz ser pressionado por vários motivos, mas nunca por "lágrimas"!

JATOLÁ!!

Apesar dos últimos anos, as derrotas do Flamengo para o Botafogo já inspiraram bons sambinhas. Vejam também
como sofrem os jovens torcedores do Mengão.

video